Tons neutros e estampas delicadas conferem charme provençal a projeto

Santo Amaro
7 de dezembro de 2016
Shopping Anália Franco
13 de dezembro de 2016

Cores suaves, estampas delicadas, mobiliário de estilo.

Tons neutros e estampas delicadas conferem charme provençal a projeto

 

 

Com a incorporação do terraço, o living ficou amplo e pôde abrigar móveis grandes sem prejudicar a circulação. As mesas de centro e poltronas (todas Duneli) com pés cabriolés, assim como as estampas adamascadas nos estofados e no papel de parede (Luss For You) trazem o clima provençal.

Com a incorporação do terraço, o living ficou amplo e pôde abrigar móveis grandes sem prejudicar a circulação. As mesas de centro e poltronas (todas Duneli) com pés cabriolés, assim como as estampas adamascadas nos estofados e no papel de parede (Luss For You) trazem o clima provençal.

Cores suaves, estampas florais delicadas, mobiliário de estilo e linhas curvas. A decoração característica da corte real francesa no século 16 espalhou-se entre as famílias camponesas, que buscavam imitar o que era popular entre a nobreza e deram assim origem ao hoje conhecido como estilo provençal. Séculos depois, a moda surgida em Provença ainda é sinônimo de charme e refinamento e fonte de inspiração para o décor atual, como neste apartamento de 225 m² em Santana, assinado por Tereza Bissoto e Rosangela Pimenta, designers de interiores do escritório Estilo Próprio.

O detalhe mostra que o papel de parede estampado de arabescos ressalta a cômoda bombê. Ela funciona como um pequeno bar e aparador para objetos decorativos, que vão do contemporâneo ao clássico e o espelho rococó

O detalhe mostra que o papel de parede estampado de arabescos ressalta a cômoda bombê. Ela funciona como um pequeno bar e aparador para objetos decorativos, que vão do contemporâneo ao clássico e o espelho rococó

 

Os proprietários já eram clientes da dupla, autora dos interiores da casa anterior da família. Ao adquirir o novo imóvel, convocaram-nas para uma nova empreitada. Familiarizadas com as preferências estéticas do casal de empresários, que aprecia ambientes eclético com predominância neoclássica, com toques contemporâneos, tecidos sofisticados e tons neutros.

Em relação às necessidades, uma solicitação geral era a de garantir a amplitude dos ambientes naturalmente grandes. Dessa forma, a sala de estar foi ampliada ao máximo com a remoção de alvenarias que a separavam da varanda, extinta com a intervenção. “Incorporamos dois terraços ao living retirando paredes e esquadrias e depois nivelamos o piso. A área aumentada permitiu que colocássemos móveis de grandes proporções sem prejudicar o espaço”, detalham o projeto.

Um desejo específico do casal para os momentos de lazer era em relação à sala de TV, que deveria parecer um cinema particular. O projeto, então, também previu um tratamento acústico especial, além do telão de 138 polegadas. “A acústica foi pensada para potencializar a qualidade dos equipamentos sonoros e evitando que o som incomodasse os vizinhos, possibilitando a família assistir seus programas favoritos tranquilamente”, justificam a preocupação.

 

 

 

 

6_EBO_1553

A sala de jantar composta por ampla mesa (Duneli) com tampo laqueado e pés cabriolés compõe com as cadeiras medalhão, as duas cômodas bombês (Líder Interiores), de um lado, e do outro a marcenaria (Inove) discreta e prática, com adega embutida. Dois imensos lustres de cristal âmbar (São Judas Prime) arrematam o design neo clássico.

O projeto também considerou a filha recém-nascida, que ganhou um quarto apropriado seguindo a mesma linha neoclássica do imóvel. O berço laqueado de branco e cabeceira e peseira em capitonê é versão miniatura da cama do casal, que recebeu os mesmos acabamentos. A alegria da infância não foi deixada de lado, com uma brinquedoteca montada em uma área contínua ao quarto. “O mobiliário garante a diversão da menina durante bons anos”, contam Tereza e Rosangela.

Na suíte máster, o destaque é a cabeceira em capitonê que se sobressai sobre o papel de parede que recobre também o teto, formando uma espécie de pórtico. O lustre e os abajures são rebuscados como pede a proposta.

Na suíte máster, o destaque é a cabeceira em capitonê que se sobressai sobre o papel de parede que recobre também o teto, formando uma espécie de pórtico. O lustre e os abajures são rebuscados como pede a proposta.

 

Todo o conforto e sofisticação foi finalizado com o projeto luminotécnico, feito com spots no frame, pendentes de cristal e lâmpadas de LED. Para comodidade total, persianas, iluminação e som foram automatizados.

 

Por Marina Sola
Fotos Éder Bruscagin
Matéria Publicada em Revista Decorar 106

 

Faça o download do app Decorar e tenha acesso à todas as edições!