Personalidade intensa!
5 de dezembro de 2016
Música, viagens e misticismo marcam o décor de apartamento
12 de dezembro de 2016

Santo Amaro

A região passa por uma forte mudança em seu perfil, com a construção de diversos arranha-céus e à grande especulação imobiliária e pode ser um grande investimento.

 

 

Catedral Santo Amaro

Catedral Santo Amaro

Curioso pensar que até 1935 o distrito de Santo Amaro foi município independente. Originalmente, habitado pelos índios Guaianases, com a colonização, a região foi ocupada pela missão jesuíta Ibirapuera. O nome Santo Amaro foi dado após uma missa realizada pelo padre José de Anchieta com a imagem do santo às margens do rio Jeribatiba (hoje, Pinheiros).

Em 1680 foi elevada à paróquia, em 1686, em freguesia, e em 1832, em município. Em 1827, ali se formou o núcleo de colônia alemã e prussiana, que ainda hoje habita a localidade. A inauguração do Aeroporto de Congonhas, em 1934, foi uma das causas para o território ser reincorporado ao município de São Paulo. Hoje, é definido pelos distritos de Vila Andrade, Itaim Bibi, Campo Belo, Cidade Ademar, Socorro e Jardim São Luís, sendo atendido por um terminal de ônibus e pelas linhas 5-Lilás do Metrô, além da linha  9-Esmeralda, da CPTM.

“A maior vantagem do bairro é a infraestrutura”afirma Rafael Correa da imobiliária Delmo Imóveis e morador da região. E isso irá melhorar – as obras para a extensão da linha Lilás e a inauguração da estação Borba Gato, já começaram. “Temos muita arborização. É maravilhoso! Não é a toa que os moradores são antigos e não costumam se mudar”, destaca. Duas bibliotecas, uma casa de cultura, três casas de espetáculo, o Paço Municipal Julio Guerra, além do Clube Hípico, o Clube Banespa e a unidade do Sesc. Diversão e cultura são garantidas no próprio distrito, onde o custo do metro quadrado varia de 6 a 8 mil reais, sendo mais caro perto das maiores avenidas e do eixo comercial. Atualmente, a região passa por uma forte mudança em seu perfil, com a construção de diversos arranha-céus e à grande especulação imobiliária e pode ser um grande investimento.

 


Fotos Claudete  V. de Carvalho
Matéria Publicada em Revista Decorar 106.

 

Faça o download do app Decorar e tenha acesso à todas as edições!