Fernanda e Mariana Mattos, gêmeas de vocação

Apartamento gourmet
8 de junho de 2016
Estilo de vida de irmãs é impresso em projeto da década de 1950, preservando a identidade original do imóvel
15 de junho de 2016

Gêmeas de vocação

Alem de irmãs, Fernanda e Mariana Mattos, encabeçam o Matos Arquitetura e compartilham o amor em projetar

 

Gêmeas idênticas que, além do DNA, compartilham a mesma vocação. É o caso das irmãs Fernanda e Mariana Mattos, que nunca consideraram seguir outra carreira senão a de arquitetas. “Sempre tivemos aptidão artística e gostamos de desenhar. Amamos a arquitetura também porque podemos influenciar de forma positiva a vida das pessoas”, dizem. Juntas, as duas começaram o Mattos Arquitetura no último ano de faculdade, há seis anos, atendendo a pedidos de familiares e contatos feitos durante o curso.

Apesar do início recente do escritório, a quantidade de trabalho é grande. Atualmente são dez projetos em andamento. Segundo elas, o sucesso se deve ao modo como trabalham, sempre focadas nos desejos e necessidades de seus clientes para criar resultados únicos. “Acreditamos que o estilo do projeto reflete o cliente e não o escritório. Essa é a receita infalível para satisfazê-lo e, assim, formar uma rede de indicação. Todos nossos clientes são um indicado pelo outro”, contam.

 

No living integrado, o estar é definido pela marcenaria com superfície espelhada e moldura revestida por cerâmica. Já a área de lareira recebeu um pano de vidro adesivado desenhado pelas arquitetas. Junto à lareira, o piso de madeira cumaru e os móveis trazem conforto para a família.

No living integrado, o estar é definido pela marcenaria com superfície espelhada e moldura revestida por cerâmica. Já a área de lareira recebeu um pano de vidro adesivado desenhado pelas arquitetas. Junto à lareira, o piso de madeira cumaru e os móveis trazem conforto para a família.

 

 

As poltronas giratórias com forro de crochê são o centro das atenções do estar. Para completar o canto, o sofá em linhas retas com detalhe em vivo no braço e a mesa de centro com detalhe amadeirado. A cortina (Beare) mantém a privacidade quando necessário.

As poltronas giratórias com forro de crochê são o centro das atenções do estar. Para completar o canto, o sofá em linhas retas com detalhe em vivo no braço e a mesa de centro com detalhe amadeirado. A cortina (Beare) mantém a privacidade quando necessário.

 

A receita pode ser infalível, mas criar o projeto ideal para cada um não é tarefa fácil, afirmam Fernanda e Mariana, uma vez que precisam identificar aquilo que não foi pedido, mas deve ser feito. “Com a experiência aprendemos que, mais importante do que suas necessidades e anseios, é entender e identificar o cliente em sua essência, porque é isso que irá resultar em um bom projeto. Muitas vezes o cliente não sabe explicar tudo o que precisa e desconhece as possibilidades existentes.”

Apesar da discrição em imprimir um estilo próprio, as arquitetas possuem características comuns em seus trabalhos: design contemporâneo, o uso majoritário de cores neutras, materiais nobres e mistura de texturas em tecidos e revestimentos, resultando em espaços confortáveis, funcionais e elegantes.

 

Leveza e elegância no jantar, separado do estar pelo aparador: mesa de resina compõe com cadeiras de madeira revestida de linho, sobre o conjunto o pendente com cúpula de vidro. Na parede do fundo, mais espelho para enfatizar a amplitude e as fotos. Ao lado, a cômoda laqueada retrô compõe com o quadro de tema gráfico.

Leveza e elegância no jantar, separado do estar pelo aparador: mesa de resina compõe com cadeiras de madeira revestida de linho, sobre o conjunto o pendente com cúpula de vidro. Na parede do fundo, mais espelho para enfatizar a amplitude e as fotos. Ao lado, a cômoda laqueada retrô compõe com o quadro de tema gráfico.

 

6_EBO_0435

 

A varanda tem canto de relaxar ao fundo com duas chaises e área de refeição com mesa de madeira e cadeiras coloridas. Aqui, o piso é de porcelanato por ser mais fácil de limpar. Em primeiro plano uma móvel para o minijardim.

A varanda tem canto de relaxar ao fundo com duas chaises e área de refeição com mesa de madeira e cadeiras coloridas. Aqui, o piso é de porcelanato por ser mais fácil de limpar. Em primeiro plano uma móvel para o minijardim.

 

Quarto do casal com parede estofada em suede que faz papel de cabeceira a partir de desenho das arquitetas.

Quarto do casal com parede estofada em suede que faz papel de cabeceira a partir de desenho das arquitetas.

 

Para maior conforto ao assistir televisão, o home theater tem tons mais escuros que os demais ambientes, com a luz do dia controlada pela persiana (Beare). Repare no nicho acima do sofá com chaise: iluminado para destacar objetos.

Para maior conforto ao assistir televisão, o home theater tem tons mais escuros que os demais ambientes, com a luz do dia controlada pela persiana (Beare). Repare no nicho acima do sofá com chaise: iluminado para destacar objetos.

 

Um bom exemplo de projeto que reflete o cliente é o apartamento de 180 m² em São Bernardo do Campo, onde a proprietária moraria com seu marido e filho pré-adolescente e procurou as arquitetas já com ideias detalhadas para montar sua “casa dos sonhos”. “Ela chegou com um conceito muito bem elaborado, mas com a relação de confiança aceitou nossas sugestões. Nosso grande desafio era conseguir surpreendê-la e superar suas expectativas, uma vez que ela já tinha o projeto idealizado, mas conseguimos atingir esse objetivo”, contam.

Com pedidos apenas estéticos, os moradores não expuseram nenhuma preocupação funcional, mas receberam um lar adaptado às suas necessidades do dia a dia. “Nas entrevistas identificamos do que eles precisavam, o que resultou num projeto com ilha na cozinha, uma varanda integrada à sala, um living ampliado com a remoção de alvenarias e também transformamos um dos quartos em sala íntima”, relatam as irmãs.

 

Compacta, a cozinha é funcional e charmosa. A mesa sob medida abraça a ilha, racionalizando o espaço, além de compor com a superfície em pastilhas. As prateleiras superiores de madeira também ganham espaço e se sobressaem sobre as paredes claras.

Compacta, a cozinha é funcional e charmosa. A mesa sob medida abraça a ilha, racionalizando o espaço, além de compor com a superfície em pastilhas. As prateleiras superiores de madeira também ganham espaço e se sobressaem sobre as paredes claras.

 

Os armários sob medida (Sevom Rios) receberam acabamento amadeirado e comportam os eletrodomésticos com precisão, deixando o ambiente com acabamento sofisticado. A grande bancada é de Corian e embute mais armários, garantindo o aproveitamento eficiente do espaço limitado.

Os armários sob medida (Sevom Rios) receberam acabamento amadeirado e comportam os eletrodomésticos com precisão, deixando o ambiente com acabamento sofisticado. A grande bancada é de Corian e embute mais armários, garantindo o aproveitamento eficiente do espaço limitado.

 

Fernanda & Mariana Mattos

Perfil

Naturalidade: Santo André
Formação: Universidade Presbiteriana Mackenzie (2009)
Tempo de atividade: 6 anos
Áreas de atuação: arquitetura e interiores
Regiões em que mais atuam: ABC e São Paulo
Estilo: projeto atemporal, atual e principalmente que reflita o perfil do cliente. Acreditamos que o estilo do projeto de refletir o cliente e não o escritório. Nossa função é traduzir o estilo de vida do nosso cliente, em arquitetura
Perfil dos clientes: pessoas bem sucedidas em seus ramos de atuação, que buscam serviço exclusivo
Atividades paralelas: trabalhos voluntários
Materiais: materiais nobres e funcionais, trazendo mistura de texturas
Cores: cores neutras, deixando as cores mais vivas para alguma peça que reflita a personalidade do cliente
Desafios de um arquiteto: é influenciar diretamente a vida das pessoas de forma discreta e imperceptível. É pensar e vivificar momentos e sensações ainda não programados pelos clientes, mas já imaginados e planejados em detalhes pelo arquiteto. É decifrar os mais peculiares hábitos e torna-los incrivelmente simples e corriqueiros. É transformar algo tangível em intangível, transformar obras em sensações. Ser arquiteto é sonhar, o sonho que seu cliente vai adorar realizar.
Morar bem é: qualidade de vida
Bom design é: materializar sensações
Luxo é: exclusividade
O cliente ideal é: o que confia
Referências que pautam seus projetos: estética, função e harmonia
Um mobiliário: chaise-longue Rio, de Oscar Niemeyer
Um revestimento: mármore
Uma obra de arquitetura: Farnsworth House, de Ludwig Mies van der Rohe.

 

 

Por Marina Sola
Imagens Eder Bruscagin
Matéria Publicada em Revista Decorar  98

 

Faça o download do app Decorar e tenha acesso à todas as edições!