Projeto assinado por Leo Shehtman valoriza peças criativas que remetem ao clima praiano

4 boas ideias para deixar seu apartamento com ar clássico e funcional
9 de junho de 2016
Uma composição rica em texturas e toques de cor traz personalidade ao apartamento
27 de junho de 2016

Arte e design

Projeto assinado por Leo Shehtman valoriza peças criativas que remetem ao clima praiano

 

Sofisticação, glamour e ousadia são características comuns quando se fala em Miami. As mesmas palavras podem ser usadas para descrever o estilo de Leo Shehtman, que, não à toa, foi o nome escolhido por um casal de empresários do Rio de Janeiro para assumir o projeto desse apartamento de 580 m2 em South Beach. Como um refúgio de férias deve ser, os clientes pediram que o arquiteto transformasse o imóvel novo em um espaço moderno, agradável e muito confortável para passar temporadas na cidade com a família. “Eles queriam ambientes amplos e que fossem integrados entre si”, conta.

 

No hall de entrada, peças inspiradas no clima marítimo, como o banco Inout, de Jean-Marie Massaud para a Cappellini, que lembra uma prancha de surfe. Ao fundo, a assimétrica Aqua Table (Luminaire) assinada por Zaha Hadid é a estrela da sala de jantar, harmonizada com as cadeiras Lia, também da Luminaire.

No hall de entrada, peças inspiradas no clima marítimo, como o banco Inout, de Jean-Marie Massaud para a Cappellini, que lembra uma prancha de surfe. Ao fundo, a assimétrica Aqua Table (Luminaire) assinada por Zaha Hadid é a estrela da sala de jantar, harmonizada com as cadeiras Lia, também da Luminaire.

 

Imensa, a sala de estar é delimitada pelo tapete (The Rug Company) e pela cadeira Ghost de vidro curvo temperado da Fiam Italia. O sofá é de couro e as mesas de centro têm tampo de mármore e base de alumínio, todos da Poliform. A escultura de mulher da Circle Art vista no foyer reaparece aqui, integrando os ambientes.

Imensa, a sala de estar é delimitada pelo tapete (The Rug Company) e pela cadeira Ghost de vidro curvo temperado da Fiam Italia. O sofá é de couro e as mesas de centro têm tampo de mármore e base de alumínio, todos da Poliform. A escultura de mulher da Circle Art vista no foyer reaparece aqui, integrando os ambientes.

 

Neste caso a integração foi além e foi feita não apenas no living, mas também entre o interior do apartamento no nono andar e sua exuberante vista para o mar. Fonte de inspiração para o décor, o cenário da praia foi trazido para dentro de casa e valorizado pelas escolhas do arquiteto, desde os acabamentos até os móveis e obras de arte. “O imóvel foi entregue cru pela construtora e a partir daí se iniciaram as intervenções. Cada ambiente foi pensado de forma a criar uma atmosfera diferente”, explica Shehtman.

A amplitude gerada pelas janelas de vidro no lugar de paredes em boa parte dos cômodos foi enfatizada ainda mais com a predominância de tons claros e pastel, conforme pedido pelos proprietários. Somado a isso, os móveis de linhas simples e contemporâneas, muitos assinados por grandes nomes do design mundial como Zaha Hadid, foram posicionados de forma que permitissem a livre circulação pelos espaços.

 

O tema inspirado pela vista do mar fica claro no estar com as poltronas Rive Droite, com design de Patrick Norguet e com a estampa de Emilio Pucci nos tons e movimento do oceano. A mesa lateral ORG, de Fabio Novembre, tem pernas flexíveis que lembram as formas de algas marinhas. Ambas da Cappellini.

O tema inspirado pela vista do mar fica claro no estar com as poltronas Rive Droite, com design de Patrick Norguet e com a estampa de Emilio Pucci nos tons e movimento do oceano. A mesa lateral ORG, de Fabio Novembre, tem pernas flexíveis que lembram as formas de algas marinhas. Ambas da Cappellini.

 

A cozinha recebeu outro ambiente para refeições, mais informal, com mesa e cadeiras com encosto de madeira da Cattelan Italia, coroadas pelo lustre de vidro Caboche (Foscarini), desenhado por Patricia Urquiola. Tudo comprado na Anima Domus. Finalizando o espaço, um painel metálico ornamental da MDC Wall.

A cozinha recebeu outro ambiente para refeições, mais informal, com mesa e cadeiras com encosto de madeira da Cattelan Italia, coroadas pelo lustre de vidro Caboche (Foscarini), desenhado por Patricia Urquiola. Tudo comprado na Anima Domus. Finalizando o espaço, um painel metálico ornamental da MDC Wall.

 

Dando sequência aos recursos que ampliam os ambientes, o hall de entrada e o living foram integrados com o piso de marmoglass branco, um material de alto brilho que reflete luz, e compostos com mais elementos reflexivos com acabamentos metalizados ou espelhados, como as bases do sofá e das mesas de centro na sala de estar e até a porta de entrada é metálica. As cortinas de crepe de seda dão a opção de controlar a iluminação natural, mas sem bloqueá-la, já que aqui não há a intenção de isolar o interior do exterior.

À noite, as luzes de cores quentes nas áreas de lazer e convívio proporcionam aconchego visual. “O projeto luminotécnico foi pensado para valorizar a circulação e as obras de arte”, explica o arquiteto. Já nas áreas de serviço e de preparo na cozinha, as luzes brancas dão a precisão necessária, mas têm sua dureza rebatida pela exploração intensa da madeira nos armários, ilha e cadeiras. Por fim, um local confortável no calor de Miami não pode deixar de ter ar-condicionado central.

 

Fugindo do comum, a cozinha ficou quente e aconchegante com o uso das madeiras nos móveis e porcelanato escuro italiano Change, da Caesar (Tiles & Marbles Co.), sem perder a funcionalidade com eletrodomésticos embutidos, ilha ampla e muito espaço para armazenamento.

Ao lado do living encontra-se o home theater, projetado para ser espaço despojado com sistema de luz e som automatizado para a família descansar junta no grande destaque do cômodo: o sofá revestido de veludo Boa, dos irmãos Campana para a Edra.

 

No banheiro do casal, a vista para o mar é novamente a protagonista, com um grande box com dois chuveiros que é transparente por todos os ângulos para não prejudicar a paisagem. A parede com bancada esculpida em mármore foi revestida com papel de parede com textura de grãos de areia, que remete à praia.

No banheiro do casal, a vista para o mar é novamente a protagonista, com um grande box com dois chuveiros que é transparente por todos os ângulos para não prejudicar a paisagem. A parede com bancada esculpida em mármore foi revestida com papel de parede com textura de grãos de areia, que remete à praia.

 

 

Por Marina Sola
Imagens Campbell
Matéria Publicada em Revista Decorar 102

 

Faça o download do app Decorar e tenha acesso à todas as edições!